Share This


Vinho Tinto 2012

A Quinta Branca, está localizada na sub-região do Baixo Corgo, margem esquerda do Rio Douro, com uma exposição maioritariamente entre NO, NE. Os seus cerca de 20 ha de vinha estão implantados a meia encosta a uma altitude que varia entre os 250 e os 400 mt, destes cerca de 7,5 ha são de vinhas velhas (mais de 40 anos).

O solo é de origem Xistosa. As castas dominantes (tintas) são: A Touriga Nacional, A touriga Franca, o Tinto Cão, a Tinta Amarela e o Sousão (existem mais de 15 variedades nas parcelas de Vinhas Velhas).

Pela localização, exposição/orientação, altitude, castas e solo, a Quinta Branca possui um "Terroir” muito próprio, por isso os vinhos terem características de acidez, frescura e equilíbrio de taninos, tão próprios.

Ficha Técnica

Região
Douro
Sub-Região
Baixo Corgo
Zona de Produção
Valdigem
Área da vinha
20 ha
Tipo de Solo
Origem Xistosa
Altitude da Vinha
250 e 400 metros
Castas
30%Touriga Franca, 30% Tinto Cão, 25% Sousão e 15%Touriga Nacional.
Vinificação
Vindima na 1ª e 2ª semana de Outubro de 2011. Desengace total, a fermentação decorreu em Lagares com pisa "mecânica” e temperatura controlada à volta dos 22ºC, durante 7 dias. A fermentação malolactica foi em cuba de inox, tendo depois o vinho estagiado com madeiras de Carvalho Francês até ao engarrafamento.
Produção
9'500 litros
Estágio
8 meses com vários lotes de várias florestas de Carvalho Francês.
Engarrafamento
12’300 garrafas de 750 ml, engarrafadas em Setembro de 2012.
Análises Físico-químicas
13,50 (% vol.) Teor alcoólico
3,73 pH
4,500 (g/dm3 – ac.tat.) Acidez Total
0,560 (g/dm3 – ac.acét.) Acidez Volátil
85 (mg/dm3 ) Dióxido de Enxofre Total
Curva de Envelhecimento
Pelas características organolépticas prevê-se um envelhecimento na garrafa muito positivo durante cerca de 3-7 anos.
Conservação na cave
Humidade 70-80% e temperatura 14ºC.
Como servir
Sirva por volta dos 16ºC
Enólogo
Luis Soares Duarte

Voltar